Dicas para o Dia Mundial do Rim

Estilo de vida saudável e saúde renal – Dicas para o Dia Mundial do Rim

Hoje assinala-se o Dia Mundial do Rim e por isso deixamos-te 8 dicas que podem ajudar na redução do risco de desenvolvimento de problemas renais:

  1. Faz uma alimentação saudável e equilibrada

Uma boa alimentação é essencial para a manutenção de um peso saudável, para um bom controlo da pressão arterial e para a prevenção da diabetes tipo 2. A pressão arterial elevada e a diabetes aumentam o risco de desenvolvimento de doenças renais. Para teres uma alimentação saudável, variada e equilibrada deves seguir as recomendações da roda dos alimentos. Deverá ser dado especial enfoque ao consumo de proteínas de qualidade, fruta, legumes, cereais integrais bem como gorduras saudáveis e restringir os alimentos mais processados e ricos em sal.

 

  1. Boa ingestão água

Um bom aporte de líquidos, nomeadamente água, é essencial para garantir uma boa função renal. Água simples, aromatizada ou em infusões, sem adição de açúcar, são boas opções.  

  1. Mantém-te ativo

O exercício físico é essencial para a manutenção de um peso saudável assim como a pressão arterial. Além do exercício deverás também ter um estilo de vida ativo. Caminhar, subir e descer escadas, dançar…tudo conta! O importante é dares movimento à tua vida.  

  1. Verifica e controla a tua glicemia

Como vimos a diabetes é um fator que pode levar ao aparecimento de doença renal. Muitas vezes o aparecimento da diabetes é silencioso e é por isso importante que haja monitorização dos níveis de açúcar no sangue.

  1. Verifica e controla a tua pressão arterial

A pressão arterial elevada representa risco para o desenvolvimento de doença renal e, à semelhança da diabetes, pode surgir de forma silenciosa. É por isso também importante monitorizar a pressão arterial.

  1. Não fumes

Os hábitos tabágicos afetam o normal fluxo sanguíneo podendo futuramente comprometer a função renal.

  1. Não tomes anti-inflamatórios de forma regular sem indicação médica

A toma indiscriminada de anti-inflamatórios poderá vir a desencadear problemas renais. Os analgésicos deverão apenas ser tomados caso haja aconselhamento médico e seguindo a prescrição prevista ou como assinalado no rótulo.

  1. Faz um check-up à tua função renal se tens um ou mais dos seguintes fatores de risco:
    1. Diabetes;
    2. Hipertensão;
    3. Obesidade;
    4. História familiar de doença renal.

Artigo

Os hábitos alimentares da população portuguesa têm vindo a mudar ao longo do tempo.

Artigo

A Matcha é uma forma de chá verde única, cada vez mais consumida pelas suas propriedades benéficas.