Como a alimentação pode ajudar no bom humor

Como a alimentação pode ajudar no bom humor

Dias frios e chuvosos típicos do Inverno, o novo confinamento, a consequente distância (necessária) dos familiares e amigos…é natural que te sintas em baixo e que o teu humor sofra flutuações. Manteres uma alimentação equilibrada nesta altura pode ser uma peça-chave. Sabias que existem alguns alimentos que te podem ajudar a melhorar o teu humor e bem-estar? Incluí-los pode trazer benefícios! Fica a saber mais neste artigo.

  • Aveia

Rica em hidratos de carbono de absorção lenta e fibra solúvel, nutrientes que promovem e prolongam a saciedade, fornecendo energia de forma gradual e contribuindo para níveis de glicemia (açúcar no sangue) mais estáveis. Alterações na glicemia geram muitas mau humor e irritabilidade.

  • Banana

A banana é também rica em hidratos de carbono e fibra, contendo ainda vitamina B6. A vitamina B6, ou piridoxina, possui um papel importante no normal funcionamento do sistema nervoso e psicológico, contribuindo também na produção de energia e redução do cansaço e fadiga.

  • Cacau e chocolate

O cacau, principal ingrediente do chocolate, é conhecido pelas suas propriedades promotoras do bom humor. É rico em flavonoides e em triptofano, aminoácido essencial que desempenha um papel importante na produção de serotonina, hormona que ajuda na regulação do humor.

  • Frutos oleaginosos e sementes

Como snack ou em cremes para barrar (como manteiga de amendoim), as sementes e os frutos “secos” são excelentes fontes de nutrientes que desempenham um papel importante na parte cognitiva, como o zinco e magnésio.

  • Leguminosas

Ricas em hidratos e carbono de absorção lenta, proteínas e vitaminas do complexo B, como o ácido fólico (vitamina B9), importante para o desempenho cognitivo, para a redução do cansaço e da fadiga.

E tu, já incluis estes alimentos na alimentação?

Artigo

Para seguir uma alimentação saudável não é preciso perder horas na cozinha. Descobre como!

Artigo

Resguardarmo-nos em casa não tem que ser sinónimo de descurarmos os hábitos mais saudáveis.